Médico em Casa

Aqui você encontra entrevistas médicas sobre saúde e bem-estar

COVID-19 no Brasil

1.448.753 pacientes diagnosticados com o vírus no país, 60.632 número total de óbitos.

(Dados do Ministério da Saúde – 01/07/20).

Veja Mais

Aqui você encontra entrevistas médicas sobre saúde e bem-estar

COVID-19 no Brasil

1.448.753 pacientes diagnosticados com o vírus no país, 60.632 número total de óbitos.

(Dados do Ministério da Saúde – 01/07/20).

Veja Mais

Influenza

O Ministério da Saúde determinou que os postos de saúde devem aplicar a vacina influenza em todas as pessoas que desejarem. Mais de 18 milhões de pessoas, que fazem parte do grupo prioritário, não tomaram a vacina.

A medida adotada também no ano passado pelo governo federal, tem o objetivo de imunizar as pessoas de qualquer idade e evitar o desperdício. A vacina será oferecida enquanto durarem os estoques.

Não deixe de levar a carteirinha de vacinação e um documento de identificação.

Dependência Digital

Cuidem de seus filhos no período de quarentena para não se tornarem dependentes virtuais, isso pode ocasionar problemas de saúde mental, (como irritabilidade, ansiedade e depressão); transtornos do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH); transtornos do sono; transtornos de alimentação; sedentarismo; miopia e síndrome visual do computador; transtornos posturais e músculo-esqueléticos. O alerta é da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), que lançou uma publicação sobre a dependência digital.

Segundo a coordenadora do Grupo de Trabalho sobre Saúde na Era Digital, Dra. Evelyn Eisenstein, “Diante dos atuais acontecimentos globais e a pandemia, estamos ainda mais receosos com essa problemática. Os pais estão sobrecarregados e assim, inadvertidamente, acabam por admitir práticas exageradas, que certamente trarão prejuízos para o desenvolvimento físico e psicológico dos seus filhos. Aparentemente inofensivos, os games são uma fonte recorrente de excessos”.

A Organização Mundial da Saúde (OMS), na mais recente Classificação Internacional de Doenças (CID-11) reconhece o vício em videogames ou jogos online como doença: gaming disorder.

A SBP orienta os pais a adotarem os seguintes períodos de uso das tecnologias:

  • Crianças menores de dois anos não devem ficar expostas às telas. A exceção é para o contato com avós e familiares;
  • Crianças entre dois e cinco anos o tempo máximo de exposição é de uma hora por dia.
  • Crianças com idades entre 06 e 10 anos é de uma ou duas horas por dia;
  • Para as demais idades entre duas e três horas por dia.

O documento ainda alerta os pais de crianças e adolescentes em regime de Educação à Distância (EAD) de que eles podem desenvolver problemas graves em virtude das 4 ou 5 horas expostos  diante das tecnologias.

Vale lembrar que os responsáveis devem sempre ajudar a proporcionar:

  • Atividades físicas que liberam endorfina e previne a ansiedade, depressão e estresse;
  • Atividades recreativas:
  • Incentivá-los a participar na preparação de alimentos e serviços domésticos.

 A participação de atividades em família, dando atenção e afeto, são fundamentais para o momento.

Boa Saúde

Em algumas entrevistas aqui no portal, os médicos foram unânimes ao falar sobre como ter boa saúde. São três dicas simples que devemos pôr em prática no dia a dia:

  • Sono – as crianças precisam dormir 10 horas por noite e adultos 08 horas;
  • Alimentação – todos devem comer alimentos saudáveis e beber água para hidratar-se;
  • Exercício – as crianças com mais de 04 anos precisam fazer atividades físicas por 60 minutos todos os dias, os adultos, no mínimo, 150 minutos semana.

Vitamina D

Muitas informações estão sendo veiculadas no momento sobre a ingestão de vitamina D para manter o metabolismo normal. Temos uma entrevista que explica sobre  a importância da vitamina D e como pode ser reposta de forma natural Clique para assistir.

A concentração de vitamina D pode ser medida por meio de um exame de sangue. Dessa forma, é possível avaliar se está boa ou insuficiente:

  • Concentração ideal: 30 – 60 ng/ml
  • Concentração insuficiente: 10 – 30 ng/ml
  • Apresenta deficiência: menor que 10 ng/ml

Para a reposição de vitamina D por gotinhas ou comprimido deve haver uma recomendação médica. A tabela mais comum aponta a quantidade que cada faixa etária deve repor com a dosagem em UI (unidades internacionais). Cada 0.01 ml (miligrama) equivale a 400 UI.

  • Bebês 0-12 meses – 400 UI
  • Crianças 1-18 anos – 600 UI
  • Adultos até 70 anos – 600 UI
  • Adultos com mais de 70 anos – 800 UI
  • Mulheres grávidas ou lactantes – 600 UI

Essa dosagem de vitamina D é diária, se ingerida em quantidade superior a recomendada por faixa etária, pode provocar efeitos nocivos à saúde.

Telemedicina

O Conselho Federal de Medicina (CFM) reconhece o uso da telemedicina no país. A decisão, publicada na página do CFM e pelo Ministério da Saúde, no diário oficial, vale em caráter excepcional como parte do combate à epidemia da COVID-19.

Durante a teleconsulta o médico deve registrar a hora, data e a tecnologia utilizada. A receita e atestados médicos enviados eletronicamente ao paciente devem conter o número do Conselho Regional de Medicina (CRM) e a unidade da federação a qual o médico pertence.

Receba novidades no seu email

Cuide da sua saúde

Estamos sempre antenados do que existe de novidades e bem-estar para trazer qualidade de vida e saúde para você e sua família.

Cuide da sua saúde

Estamos sempre antenados do que existe de novidades e bem-estar para trazer qualidade de vida e saúde para você e sua família.

Fechar Menu